sexta-feira, 6 de setembro de 2013

O maravilhoso mundo dos Gr.5

 As brutais máquinas de Gr.5, começam paulatinamente a invadir o mundo dos slot car e quem sabe um dia, atingirão a mesma popularidade conseguida pelos Grupo C, que tão bem a Slot.It tem sabido gerir e integrar no mercado. O mesmo virá a passar-se certamente, com a nova vaga de modelos LMP e que os italianos também têm vindo a explorar.
 Porém, este Gr. 5 que mais recentemente se começa a popularizar e vulgarizar, tinha já sido palco de investidas por parte da extinta Fly. Carrera e Revell foram outros fabricantes que também deram a sua pitada, mas nenhum deles conseguiu que estes encontrassem verdadeiros aficionados e adeptos no mundo das competições. Por essa razão, vinham servindo apenas os intentos dos mais apaixonados e fervorosos adeptos das colecções.
 Recentemente e através das mais modernas aptidões da Sideways que muito bem se soube também apoiar em mecânicas comprovadas da Slot.It, conseguiu o passo que faltava para a grande conquista dos mercados. Igualmente brilhantes em paralelo com a Fly ao nível das reproduções, este  novo fabricante, um pouco à imagemda Slot.It, tem sabido explorar este nicho de modelos que só por si já cativam, tendo-os dotado agora de valores dinâmicos, convincentes.
Rápidos e estáveis, servem já de deite aos mais exigentes praticantes.
 E quanto às suas mecânicas apoiadas em berços de motor independentes do chassis, poderão ter neste órgão o seu ponto mais fraco, mas com a enorme vantagem de se poder intercambiar com os berços da rival Slot.It e sem que o custo de o fazer obrigue a qualquer sacrifício do restante material original. Trata-se então, duma real mais valia que muito apreciamos, porque muitas vezes conseguimos fazê-lo sem qualquer acréscimo de custos, já que é material que se aplica numa também já, infindável lista de modelos e campeonatos .
 E isto tem sido quanto a mim, a chave do êxito da Sideways.
Prevejo pois que a muito curto prazo, ainda possamos vir a assistir a provas de índole internacional, apoiadas neste interessante tipo de carros. A variedade começa também, a ser já algo motivante, com adeptos da Porsche, BMW e Ferrari, a poderem optar pelo modelo com que sempre sonharam poder vir a brincar.
 Na forja encontram-se novas versões do Porsche 935/78 alcunhado de "Moby Dick", estando para breve também, os brutais M1 da BMW. Para mais tarde mas encontrando-se já em fase bastante adiantada, a prenda para os apaixonados do cavalinho italiano. Trata-se do esperadíssimo Ferrari 512 BB, algo com que os Ferraristas sempre sonharam.
 Em carteira, a Sideways anuncia muitos outros modelos, uns mais populares do que outros, mas cada um à sua maneira a despertar sempre interesse.
Mas nesta guerra, as lutas parece terem-se estendido a outros fabricantes, já que a Scaleauto acordou e bem, ao perceber o êxito que este grupo poderia vir a ter. E reproduziu também o BMW M1, mas numa versão algo distinta da desenvolvida pelos italianos. Mas parece-me que da parte destes, vai ser uma guerra perdida para os homens da Sideways e onde apenas os slotistas sairão como verdadeiros vencedores, já que os seus conceitos mecânicos relativos ao desenvolvimento do chassis, não deram nem darão provas cabais de validade. Chassis complexo que obriga a grande perda de tempo na sua afinação e que no limite, se calhar não chega nunca à eficácia dos modelos da Sideways.
Mas tal como disse, pelo menos nós, praticantes ou coleccionadores, só temos mesmo a ganhar......