quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Família em crescimento - Sideways Grupo 5



 A BMW através do seu modelo M1, fez nascer uma das mais extraordinárias máquinas de competição, que ana hoje surpreende quem os conduz.
 Através de preparadores que gravitavam em torno da marca germânica, havia surgido a oportunidade para, através do aproveitamento deste modelo, fazerem nascer um verdadeiro "Panzer". Nascia assim um verdadeiro monstro capaz de enfrentar as então existentes máquinas de Gr.5.
 As gigantes potencialidades proporcionadas por esta brutal máquina movida por um igualmente brutal motor, não conseguiram nunca no entante, sobrepôr-se veradeiramente à concorrência, sobretudo da rival Ford que através do modelo Capri ía conseguindo um histórico de vitórias que o transformaram num dominador sem igual naquele campeonato alemão.
 Mas o certo é que se o campeonato de asfalto não lhe permitiu nenhum significatívo domínio, não estamos certos de que o mesmo se venha a passar nos campeonatos de slot. Se o Porsche 935 Moby Dick se mostrava já como um verdadeiro monstro, o M1 mostra-se então como, monstruoso.
 Pleno de cotas brutais, parece ainda que se apresenta com uma linha de carroçaria mais favorável do que a dos demais modelos até à data editados. Dotado de uma carroçaria muito larga, distância entre eixos e eixo traseiro patilhão ideais e ainda uma traseira curta, parece reunir os ingredientes certos para uma verdadeira bomba surpresa.
 A sua provável favorável distribuição de pesos, poderá vir a proporcionar-lhe uma mais valia competitiva. Uma grande distância entre eixos associado à maior distância do patilhão dos quatro modelo até nós chegados, poderão transformá-lo numa verdadeira surpresa.
 A largura da carroçaria, permite-lhe ainda somar as maiores larguras de eixo tanto à frente como atrás. Se por um lado poderá penalizá-lo nas derrapagens, constitui no entanto uma certeza o aumento de estabilidade nas mais exigentes e rápidas curvas.

 Os conhecidos quatro modelos da Sideways, permitirão belas batalhas nas nossas pistas de plástico, onde nos serviremos de exemplos reais para testar todas as teorias possíveis e comprovar qual deles será verdadeiramente a melhor de todas as máquinas.