domingo, 15 de janeiro de 2017

Inauguração da pista de velocidade do Guimarães Slot Clube

 O Guimarães Slot Clube organizou uma prova de resistência para modelos clássicos, como forma de reabertura da sua pista de velocidade que havia estado inoperacional durante alguns meses, após remodelação daquele extraordinário espaço.
 A prova teve início com a habitual prova de qualificação, cuja equipa "Gémeos Team", a dupla mista constituída pelo vimaranense do GSC, Paulo Relvas e o bracarense Rui Mota do GT Team Slot Clube, aos comandos de um Mc'Laren da Slot.It, tiveram a honra de abertura.
Encontravam-se presentes três fabricantes, a NSR com um Ford P68 por parte da "Castros Team" pai e filho, três Ford GT 40 da Slot.It, dois Mc'Laren do mesmo fabricante e ainda dois Lola T70 MK III do novíssimo fabricante Thunder Slot.
 Mas ficou na qualificação claro, que a equipa "GT Team/ART" com o Lola T 70 MK III da Thunder Slot da qual faziam parte Paulo Mendes e David Azevedo se superiorizavam claramente à restante concorrência. Com um brutal modelo, cedo se percebia que a concorrência se encontravam longe e que apenas um percalço maior, lhes retiraria a anunciada vitória.
Mas a qualificação ditava que as equipas "ToworkFord" e "Ases do Asfalto" poderiam ambicionar ao mais alto dos degraus, caso algo viesse a correr mal aos antecipados vencedores.
 Paulo Mendes e David Azevedo percebiam o quanto a prova jogaria a seu favôr.

 De Espanha vinha a equipa "Ovelhas Negras", formada por pai, mãe e "su niña", numa extraorninária e simpática forma de se estar no mundo dos slot cars. Sem ambições, mas com muita vontade de saber estar e gozar a modalidade


 De Braga vinham ainda apenas observadores, numa outra forma de se viver a modalidade.
 Já alinhados na grelha e prontos para o início da prova, encontravam-se os modelos após as respectivas escolhas de calha, de acordo com a sequência dos registos da qualificação.
 E os pilotos assumiram igualmente as suas posições.



 E ao fim da primeira calha, onde os candidatos naturais à vitória ficariam de fora, pela opção de iniciarem a mesma na calha virtual, ditava como líderes os homens da casa do "SC 1968 Slot Team", seguidos surpreendentemente pelo "Gémeos Team" e ainda os "Ases do Asfalto", outra das equipas da casa, ambas com menos uma volta. do que a equipa comandante. Seguia-se-lhas a equipa "ToworkFor" na quarta posição mas ainda muito próxima, surgindo depois na quinta posição a "Maga/Mig", mas já a alguma distância.
 Na segunda manga entrava a equipa do "GT Team/ART" e com eles a confirmação da sua clara superioridade. Mas os comandantes anteriores perdiam a liderança vindo a caír para a quarta posição, enquanto os "Ases do Asfalto" e "Gémeos Team" trocavam de posição entre elas". A equipa "Ovelhas Negras" ficava-se pela última posição, fruto da sua saudável e modesta forma de estar na modalidade, mas também pelo menos competitivo estado de preparação da sua máquina.
 E a partir daqui, foram poucas as mangas onde se registariam alterações na classificação, pois estavam mais ou menos definidos os andamentos e posições de cada equipa, verificando-se algumas reviravoltas, resultado de alguns percalços pelos quais algumas das equipas foram passando.


 Na quinta manga, a equipa "ToworkFor" que vinha ocupando a quinta posição, assumia um lugar acima, enquanto o quarto classificado a até aí, a "SC 1968 Slot Team", caía para o sétimo lugar.
 Mas os segundo e terceiro classificados eram quem mais centrava atenções, já que o primeiro lugar se encontrava antecipadamente entregue. E entre estas duas equipas e embora a "Ases do Asfalto" se mantivessem na segunda posição à algumas mangas, viam atrás de si a "Gémeos Team" fazer perigar a sua posição, fruto de forte andamento imposto tanto por Paulo Relvas como Rui Mota.


 E a penúltima calha viria a ser decisiva para a definição de segunda posição final, já que a "Gémeos Team"  empreende a sua última participação de faca nos dentes, roubando o segundo lugar aos seus directos adversários. Foi no entanto muito interessante assistir e tentar perceber qual destas equipas levaria a melhor, já que ambas se mostraram muito fortes em termos de rapidez, mas sobretudo consistência de andamentos.
 Mas já no final e como resultado de uma cremalheira a entregar a alma ao criador no carro da "Maga/Mig", assistíamos à subida da "SC 1968 Slot Team" à sexta posição por troca com aqueles.

 Em cima o modelo vencedor do "GT Team/ART" e em baixo, o pódio dos três primeiros, onde a supremacia esteve do lado dos modelos da "Thunder Slot".


Em primeiro lugar, a "GT Team/ART", constituída por David Azevedo e Paulo Mendes.

A segunda posição pertenceu à "Gemeos Team", composta por Rui Mota e Paulo Relvas

Na terceira posição ficaria a "Ases do Asfalto", com Carlos Afonso e Luís Azevedo
 Mais uma excelente jornada sobretudo de convívio, mas também de acesas e salutares lutas na nossa querida modalidade. Bem haja o slot e os belos momentos que daqui podemos retirar.
Obrigado à organização do Guimarães Slot Clube e a todos com que conseguimos conviver e fazer valorizar este nosso hobby.