segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Mc'Laren F1 - Mr Slotcar



 Abandonada temporariamente a linhagem dos anunciados modelos de Grupo C por parte do fabricante canadiano Mr Slotcar, surge no entanto anunciado um bonito Mc'Laren F1 em versão GTR.

 Modelo anteriormente editado pela Ninco, este merece no entanto rasgados elogios. Dotado de uma maqueta extraordináriamente perfeita, ficará no ar a dúvida quanto às suas verdadeiras performances. De carroçaria extremamente resistente, contam-se inicialmente com a chegada deste modelo em seis cores diferentes. Espera-se posteriormente, a chegada das versões de competição.
 Se a primeira referência deste fabricante, o Mazda 787B da Grupo C, se mostrou pelo menos em pista Carrrera quase ao nível da rival Slot.It, em traçados de origem Ninco, já se mostrou bastante limitado relativamente à marca italiana.

 E então o que poderemos esperar deste novo nascimento?

 O berço de motor que vem a equipar este Mc'Laren, é igual ao do Mazda para configuração anglewinder, o que indicia que o conceito básico se manterá. Mas este fabricante não se limitou a uma aposta no inicial conceito e partiu para algumas novidades.

 Este chassis plano integra agora um conjunto de semi-eixos na parte frontal que só indicaria real vantagem, caso as rodas da frente pela maioria dos regulamentos, fossem obrigadas a pousar na superfície da pista. Este facto no entanto, não constitui uma realidade, o que nos levará a suspeitar que esta inovação, aliás, esta cópia do que já foi desenvolvido pela Avant Slot no seu modelo Pescarolo sem qualquer êxito, constituirá pelo contrário, uma real desvantagem. Isto porque, se pousarmos as rodas para usufruir do sistema, estaremos a acrescentar desnecessário atrito, ao mesmo tempo que todo este conjunto que engloba suportes, molas parafusos e porcas, aumenta substancialmente esse bem precioso que é a redução de peso.

 Apesar de bem pensado, parece-nos uma inevitabilidade a perda de qualidade dinâmica que se pretenderia.
 No entanto, o conjunto pode ser utilizado recorrendo-se a um mais convencional sistema de eixo único e sem a utilização das molas. Também a utilização de porcas plásticas, ajudarão a um ganho considerável na redução do peso final. Assim, começamos a gostar mais e a abrir portas para uma apróximação mais real das suas potencialidades para com os seus rivais.


 Menos compreensível será a falta da possibilidade de montagem de suspensões no eixo posterior. Aqui dava verdadeiro jeito poder montá-las, sobretudo se o terreno de combate for a pista Ninco. Trata-se de uma verdadeira necessidades neste caso, mas ao que parece, o seu berço de motor não se encontra preparado para tal.

Dados técnicos anunciados pelo fabricante:

Peso do carro completo - 88,8 gr
Peso da carroçaria (com cokpit completo) - 21,1 gr
Berço do motor - Anglewinder
Motor - FK180, Caixa Grande, 21.500 rpm, 345 g/cm
Relação de transmissão - 11:29 (pinhão 6,5 mm / cremalheira 15,5 mm)
Dimensões jantes posteriores - 17,3 mm x 8,2 mm
Dimensões jantes anteriores - 16,5 mm x 8,2 mm