quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Jaguar XJR12 vencedor 24 Horas Daytona 1990 - Slot.It

Em 1990, a Jaguar repete a vitória na prova de resistência mais famosa do continente americano, já que o havia conseguido em 1988. E a Slot.It, fabricante que tem dedicado grande parte da sua produção aos modelos de Grupo C, não deixou escapar este ensejo para editar mais um belo exemplar do Jaguar XJR12.
 No entanto, algumas incorrecções serão aqui alvo de chamadas de atenção. Aliás, este fabricante italiano que tem vindo a perder qualidade geral nos modelos que tem vindo a editar, mostra aqui que as incorrecções das linhas dos mini-modelos, começam a não fazer igualmente parte das suas preocupações. E servir-nos-hemos duma miniatura à escala 1/43 para demonstrar alguns erros que consideramos graves.
 Mas independentemente dos pormenores menos conseguidos, trata-se de mais um Jaguar cujo aspecto se mostra interessante e a sua dinâmica enquanto modelo de competição, não deixa qualquer dúvida.

 Mas atente-se nas duas imagens, a de cima e a de baixo. A entrada de ar existente antes das rodas traseiras, deveria ser dupla e em lâminas verticais e não como surge representado pela Slot.It. Ficou por representar a pequena tomada de ar nas tampas das rodas traseiras.

 Do lado direito, a tomada de ar de grandes dimensões deveria ter sido reduzida, ao mesmo tempo que deveria ter surgido uma bossa interposta entre esta e a tampa das rodas posteriores.
Repare-se ainda como as grelhas que existem na parte superior dos guarda-lama frontais se encontram absolutamente incorrectas.

 E o capôt/motor mostra-se tremendamente errado, ao nível da forma da bossa que se prolonga desde a capota até aos pontos de apoio do aileron. Depois, as grelhas representadas nessa zona do capôt/motor deveriam ser muito mais pequenas e situadas num plano inferior, ao mesmo tempo que deveriam existir umas grelhas de grandes dimensões, na zona central.
As pontas dos escapes, deveriam estar representadas orientadas para baixo, mas infelizmente, não estão!
Afinal, muitos erros para um fabricante que pelos vistos nos tinha habituado tão mal....