domingo, 7 de agosto de 2016

Thunder Slot - Lola T70 MKIII está a chegar

 Um novo fabricante de modelos de slot, apronta-se para chegar ao mercado. Trata-se da Thunder Slot e o seu primeiro modelo será inédito, já que sendo este bastante semelhante ao Lola T70 e do qual lhe herdou também o nome, trata-se no entanto da versão MKIII do conhecido Lola. São algumas as diferenças entre ambos, muito embora a sua semelhança se propicie a alguma confusão aos menos conhecedores deste modelo.
A imagem de baixo de um Lola T70 do fabricante Fly, serve apenas para que se possam observar algumas das diferenças que os caracterizam.

 Mas esta nova criação deste também novo fabricante, faz lembrar um pouco as produções da NSR. Também aqui e tal como a NSR e a Slot.It, existiu bastante cuidado na tentativa de se recriar um modelo muito cuidado e próximo da versão que lhe dá origem, mas sobretudo com um piscar de olho há competição.
 As imagens mostram-nos como se encontra interessante este T70 MKIII. E para já, irão ser duas as decorações a disponibilizar, ao que parece, em simultâneo.

 Mas é a parte mecânica que suscita maior curiosidade e vontade de poder-mos ter um destes exemplares nas mãos. Dotado de um motor de caixa pequena e 21.500rpm, coaduna-se quem os modelos similares de outros fabricantes, que pensam sobretudo na competição.
Também dotado de berço de motor independente e de formato triangular, no qual se monta um motor de caixa pequena em posição sidewinder, mas numa posição muito ligeiramente oblíquo relativamente ao eixo motriz. É sobretudo aqui, no conceito em si que se vê bastante similitude com os modelos de origem italiana da NSR, onde os próprios pneus e jantes se poderão confundir.
 Mas a Thunder Slot, foi um pouco mais longe, aprimorando alguns pormenores, alguns dos quais, a prática se encarregará mais tarde, de nos provar ou não, que estas inovações foram de facto produtivas.
 O aspecto é excelente, a prometer verdadeiramente viram para a verdadeira guerra das competições puras, neste caso, dos modelos clássicos.
A imagem de cima, mostra um chassis já dotado de algum upgrade, como novos pneus slick, jantes de plástico à frente, mas sobretudo, dotado de suspensões no berço do motor. Em baixo, a versão de série.

Estas duas imagens, mostram bronzes diferentes de tudo o que se tem visto, apenas com uma pestana e um interior cónico que permitirá manter por mais tempo algum o óleo lubrificante dos eixos. A questão do pêso, poderá também ter sido ponderada no seu desenvolvimento.


 Em cima, as peças de aperto do berço ao chassis da versão standard e também aquelas em que se torna possível montar suspensões.
E o berço com cinco apoios de aperto ao chassis, admite que se explore a questão das suspensões.




 O patilhão foi outro ponto a merecer alguma atenção por parte da Thunder Slot. De novo formato, permite pela primeira vez que se garanta que os fios nunca se soltem, excepto por quebra do próprio fio.
 Parafusos allen, permitem que se tranque com toda a segurança as cápsulas que contêm no seu interior os fios condutores de corrente ao motor.
A possibilidade de regulação do eixo da frente em altura, é também possível, algo que começa a ser uma realidade nos mais modernos modelos de slot.
 Estranha é a forma da lâmina deste novo patilhão. O lucro que daqui se possa colher, é para mim e para já, uma incógnita, mas certamente se concluiu da vantagem que daqui se poderá tirar partido.
Em baixo, um pormenor da cremalheira e pinhão em plástico e do próprio motor.
 Seja bem vindo meu senhor, mas venha depressa....