segunda-feira, 3 de outubro de 2011

4 Horas Clube Slot de Braga

O Clube Slot de Braga realizou uma mini resistência de 4 horas, para modelos protótipos clássicos. Tratando-se de uma pista Carrera, a totalidade das equipas acabou por optar pelos modelos da Slot.It.
A equipa "ART" foi mais longe e resolveu mesmo aquilatar as potencialidades do recém chegado Ford GT 40.
Cinco equipas estiveram presentes tendo recaído as restantes opções no Ferrari 312 PB e no Alfa-Romeo 33.
 Pelos "Gentleman Drivers", José Pedro, Pedro Correia e Hugo Figueiredo.

 Pela "ART", Luís Filipe Azevedo e Nuno Aguilar.

 Pelos "Smoke Off", Emídio Peixoto e Paulo Mendes.

 Pelos "Smoke On", António Maia, José Eduardo e Daniel Costa.

 Pelo "GT Team", Augusto Amorim e Rui Mota.

 Deu-se então o início da corrida e de imediato ficou claro que o equilíbrio entre 4 das cinco equipas presentes iria ser grande, pois a ART que apostara no novo Ford GT 40, de imediato mostrou que não estaria à altura de se bater com os adversários. E embora os primeiros comandantes tivessem sido os do "GT Team", a verdade é que a quebra de um fio os levou a uma inoportuna e errada troca do motor e mais tarde, à certa substituição dos fios. A partir daqui, a luta continuou renhida entre as restantes três equipas.
Grandes registos foram sendo marcados pelos três pretendentes ao trono, sendo os homens do "Smoke Off", aqueles que melhor souberam gerir a prova. Rápidos e constantes, conseguiram no final uma margem de nove voltas de vantagem. Já entre os "Smoke On" e os "Gentleman Drivers", o equilíbrio deixava grande expectativa no ar. Poderosos ataques de ambos iam marcando registos de relevo, o que levou Hugo Figueiredo a estabelecer a melhor volta absoluta com o tempo de 8.7 segundos e no final uma diferença de uma volta entre ambos, com a vantagem para os primeiros.
No final da tabela, os esforço dos homens do "GT Team" não dava frutos, não conseguindo anular a desvantagem acumulada, vindo mesmo a completar a prova ocupando o último lugar da classificação geral.

O pódio dos modelos, com clara supremacia para os modelos italianos da Ferrari.
No pódio, Paulo Mendes e Emídio Peixoto faziam a festa maior, ladeados pelos homens do "Smoke On" e "Gentleman Drivers".