sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Feito por encomenda ....

 Luís Barros, é um piloto do Campeonato Nacional de Clássicos, e que participa habitualmente com um Porsche 930 Turbo.
Este bonito clássico, como se não bastasse, encontra-se ainda belíssimamente decorado. Com as cores da AMOB, as tonalidades cinzentas associadas ao amarelo, permitem uma interessante combinação estética, de agrado geral.

Vítor Araújo
 Vítor Araújo, outro dos militantes no Campeonato Nacional com um Datsun 1200, querendo fazer uma surpresa a este Campeão, encomendou a reprodução duma réplica à escala 1/32, para o Slot.
A base de onde se partiu foi justamente o mesmo modelo, numa produção da Ninco.
 Munido das respectivas imagens que permitissem a maior fidelidade possível, meteu-se mãos-à-obra para a tentativa da reprodução que permitisse o maior realismo possível.
Para os modelistas, a maior adversidade é confrontarem-se com as disparidades entre o minimodelo e a correspondente imagem real. E existem de facto algumas incongruências que porém, não nos reteve nas suas devidas correcções, já que não o justificariam, ou por se tratarem de pequena monta, ou porque de facto o trabalho que necessitaria, seria demasiado penoso, quando afinal, a maioria das pessoas nem sequer se aperceberia. E afinal, trata-se de um modelo dinâmico, o que mais faz atenuar, as indesejadas incorrecções.
 Portanto, houve necessidade então, de separar todos os apêndices que se encontravam na carroçaria, faróis, piscas, puxadores, ...
De imediato e preparada que ficou, partiu-se para a pintura na cor base prateada, que na verdade não corresponde à cor verdadeira, já que deveria ser um pouco mais próximo da cor do chumbo.
Recorreu-se depois à habilidade manual, para a pintura do mapa que num cinza bem mais escuro, se encontra representado nas suas laterais.
Depois de aplicada máscara nos locais apropriados, pintou-se a parte laranja que se situa nos pára-choques e nas suas embaladeiras.

 
 Seguidamente partiu-se para a decoração através da colocação dos decalques, onde aqui, se contou com a prestimosa colaboração de Rui Queirós (Ruic's) que prontamente desenhou em computador os logótipos necessários e ainda de Pedro Correia, que conseguiu transformar os desenhos em decalques, através de impressão em folha de decalque, virgem.

 Finalmente, foi necessário proteger todo este trabalho através da aplicação de verniz, em camadas muito finas, salvaguardando assim, que este provocasse encorricamentos dos decalques. Também os vidros foram alvo da aplicação das bandas em cor de laranja.

 Finalmente, os acessórios que se haviam retirado no início, retomaram o seu devido lugar, proporcionando um visual mais composto
 No final, um Porsche diferente e dum Campeão Nacional.